Paraná:
(41) 3256-6767

Dedetização de aranha-marrom: como funciona o serviço?

Confira os métodos utilizados na dedetização de aranha-marrom

Dedetização de aranha-marrom: como funciona o serviço?

Manter as pragas urbanas distantes é essencial para manter a sua qualidade de vida. Algumas transmitem doenças, causam danos e acidentes. Essa convivência não é nem um pouco harmônica. A aranha-marrom é um desses animais que requer cuidados. Para isso, não hesite em contratar a dedetização de aranha-marrom.

Hoje, você vai saber como funciona a dedetização de aranha-marrom. Evite realizar esse trabalho sozinho, pois você pode realizar um tratamento inadequado e que pode originar problemas como intoxicações. Ao perceber a presença desse animal peçonhento, chame uma empresa especializada.

Leia também: A falta de dedetização de aranha vitimiza crianças e idosos

Há informações importantes que devem ser coletadas antes da dedetização de aranha-marrom

É preciso localizar o ninho na área, identificar o nível da infestação, analisar quais os fatores atraíram as aranhas, entre outros dados. Só depois o tratamento é indicado pelos técnicos de uma controladora de pragas. Sem isso, o problema pode continuar ou ocorrer uma reinfestação.

Quais são os tratamentos utilizados para a dedetização da aranha-marrom?

1. Inseticida em gel

O gel é um componente bastante utilizado na dedetização de aranhas e outras pragas urbanas. Isso porque não há necessidade de pessoas se afastarem do espaço, como outros métodos. Então, ele é menos invasivo, gerando baixos riscos para as pessoas que habitam ou trabalham no espaço.

2. Inseticida em pó

O método de inseticida em pó possui alto poder residual. Ele é utilizado principalmente em locais de difícil acesso e onde não há a possibilidade de usar outro método de controle. É aplicado no local de passagem das pragas como caixas de gordura e conduítes.

3. Inseticida líquido

Para o tratamento líquido contra a aranha-marrom, é necessário que as pessoas evitem o espaço por algumas horas. É um método que pode chegar em locais de difícil acesso, como o inseticida em pó.

Além do tratamento químico, é essencial que haja medidas preventivas para o complemento da segurança contra a aranha-marrom

– Manutenção da limpeza de quintais e jardins, com o corte da vegetação em excesso;

– Manutenção da limpeza de sótãos, deixando-os sem umidade e bem ventilados;

– Realização da retirada de madeiras e entulhos sem utilização;

– Vedação de soleiras de portas, vãos, frestas e rachaduras nas paredes, tetos e pisos.

– Utilização de lâmpadas de vapor de sódio para diminuir a vinda de insetos, que são alimentos para as aranhas.

Se você precisar de uma dedetização de aranha-marrom profissional, chame a Biosseg Uniprag!

Casa à prova de pandemia: guia de sanitização para residências

LIGUE PARA A UNIPRAG MAIS PRÓXIMA DE VOCÊ

Ou envie-nos uma mensagem pelo formulário abaixo:





CLOSE
CLOSE

Pin It on Pinterest

Share This